29 OUT 2012
tags: árvore

Posse responsável de plantas em vaso

Está para nascer o dia em que as plantas receberão os mesmos cuidados destinados aos bichos de estimação. Como elas não ronronam nem sabem dar a patinha, costumam ser alvo de todo tipo de maus-tratos: definham por falta ou excesso de água, se espremem em vasos pequenos ou esgotam os nutrientes da terra sem que ninguém se dê conta de seu sofrimento. Isso quando não passam a vida toda confinadas a um saguão escuro, a metros de distância da janela mais próxima.

Em lojas, shoppings e escritórios, plantas geram simpatia. Mas, a despeito da pose de comprometimento ecológico, as empresas que têm vasos de maneira tão ostensiva costumam ser as mesmas que se desfazem deles como se fossem meros objetos. Repare como estão sempre floridas as bromélias das praças de alimentação, como despontam as orquídeas nos consultórios médicos, como brilham as folhagens ao lado dos caixas de supermercado. Seria um sinal e tanto de respeito ao meio ambiente não fosse o fato de essas plantas serem trocadas periodicamente – as antigas vão, sumariamente, para o lixo.

Apesar desse cenário triste, não é preciso muito esforço ou dedicação para ter um pouco de verde em seu apartamento ou firma. Aqui vão meus cinco mandamentos da Posse Responsável de Plantas em Vaso:

1 — Plantas não são de plástico
Só tenha um vaso em casa se puder suprir as necessidades básicas de água, luz, terra e nutrientes que qualquer ser clorofilado tem.

2 — Plantas não são descartáveis
Não jogue fora os vasos que perderam as flores. Respeite o ciclo e as características de cada espécie e você terá floradas novas no próximo ano (quem sabe até mesmo antes disso).

3 — Plantas não são brinquedos
Faça podas somente quando for necessário, procurando manter o desenho natural da árvore ou do arbusto. Se tiver dúvidas de como podar, consulte um jardineiro antes de cortar os galhos.

4 — Plantas não são enfeites
Não submeta vaso nenhum a um hall completamente escuro ou a um banheiro sem vitrô nem janela só porque fica bonito. Há espécies que se adaptam aos lugares mais incomuns, mas mesmo elas precisam de um mínimo de luz e ventilação

5 — Plantas não são de ferro
Elas pegam doenças e envelhecem. Proteja-as de ventos, mantenha-as livres de pragas e garanta-lhes uma boa aposentadoria. Elas retribuirão com flores, frutos e sombra fresca.

Categorias